El Nido

#umpoetaumpoemapordia #70 (08/1)

POEMA – EL NIDO
Es porque um pajarito de la montaña ha hecho / en el hueco de un árbol su nido matinal, / que el árbol amanece con música en el pecho, / como que si tuviera corazón musical // Si el dulce pajarito por entre el hueco asoma, / para beber rocío, para beber aroma, / el árbol de la sierra me da la sensación / de que se le ha salido, cantando, el corazón…

(Tradução de Anderson Braga Horta) O NINHO
É porque um passarinho da montanha no meio / do oco de um tronco fez o ninho matinal / que a árvore amanhece com música no seio, / tal como se tivesse coração musical. // Se o doce passarinho de dentro do oco assoma / para beber orvalho, para beber aroma, / essa árvore da serra me dá a sensação / de que lhe sai do peito, cantando, o coração…

POETA – Alfredo Espino
Edgardo Alfredo Espino Najarro (Ahuachapán, 8 de enero de 1900-San Salvador, 24 de mayo de 1928),1 conocido como Alfredo Espino, fue un poeta salvadoreño.

MAIS SOBRE
https://es.wikipedia.org/wiki/Alfredo_Espino
http://www.antoniomiranda.com.br/Iberoamerica/el_salvador/alfredo_spino.html

http://www.biografiasyvidas.com/biografia/e/espino.htm

download-1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s