Estado de Poesia

#umpoetaumpoemapordia #88 (26/1)

POEMA: ESTADO DE POESIA
Para viver em estado de poesia / Entranharia nestes sertões de você / Pra me esquecer da vida que eu vivia / De cigania antes de te conhecer / De enganos livres que eu tinha porque queria / Por não saber que mais dia, menos dia / Eu todo me encantaria pelo todo do teu ser / Pra misturar meia noite, meio dia / Enfim saber que cantaria a cantoria / Que há tanto tempo queria / A canção do bem querer / É belo vês o amor sem anestesia / Dói de bom / Arde de doce / Queima a calma / Mata, cria / Chega tem vez que a pessoa que enamora / Se pega e chora do que ontem mesmo ria / Chega tem hora que ri de dentro pra fora / Não fica, nem vai embora / É o estado de poesia!

POETA
Chico César – Francisco César Gonçalves (Catolé do Rocha, 26 de janeiro de 1964), é um cantor, compositor, escritor e jornalista brasileiro.

capa-estado-de-poesia-960x960

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s